Contato: henriquecorleone2000@hotmail.com (msn e email)

Márcio Santiago

BLOG DO CORLEONE

Camisas da Polícia Penal

quinta-feira, 26 de abril de 2012

CONCURSO AGENTE PENITENCIÁRIO

Edital do concurso da Sejus – ES está previsto para o mês de maio


O edital do concurso público da Secretaria de Estado da Justiça (Sejus), que foi autorizado em 2011 pelo governador Renato Casagrande, está previsto para ser divulgado no mês de maio. A seleção será realizada pela Fundação para o Vestibular da Universidade Estadual Paulista (Vunesp).
Serão 500 vagas, sendo 250 para o cargo de agente penitenciário e as outras 250 para agente de escolta e vigilância. Os agentes que atuam no sistema penitenciário do Espírito Santo contam com plano de cargos e salários – aprovado em 2008 – e recebem salário inicial de R$ 2.156,70.
Este será o terceiro concurso da Sejus nos últimos oito anos. No primeiro, realizado em 2007, foram oferecidas 845 vagas e no segundo, em 2009, foram 1.083 vagas.
A contratação está alinhada com o Plano Estratégico do Governo do Espírito Santo 2011-2014, denominado Novos Caminhos. Uma das estratégias previstas no documento é a ampliação, o aperfeiçoamento e a valorização do capital humano das organizações de justiça, segurança pública e defesa social.
O concurso será composto por seis etapas, todas eliminatórias: prova objetiva, exame de aptidão física, exame de saúde, exame psicotécnico, investigação social e curso de formação penitenciária.
O secretário de Estado da Justiça, Ângelo Roncalli de Ramos Barros, destacou que com a realização dos concursos, o Governo do Espírito Santo está buscando sanar o déficit de servidores na área, e também acompanhar o crescimento do sistema penitenciário.
“Em 2003, o Espírito Santo contava somente com 92 agentes penitenciários efetivos e a Polícia Militar era responsável pela guarda das unidades prisionais. Com a realização dos concursos, os policiais que atuavam em unidades prisionais puderam voltar ao serviço de policiamento ostensivo junto às comunidades. Atualmente, o Estado conta com 2.854 agentes, sendo 1.081 efetivos e 1.773 contratados por designação temporária”, falou.
Os agentes penitenciários desenvolvem atividades de atendimento, custódia, guarda, assistência e orientação de pessoas recolhidas nas unidades prisionais do Estado. Já os agentes de escolta e vigilância penitenciária desenvolvem ações de vigilância das unidades prisionais nas muralhas, guaritas e alambrados que compõem as suas edificações; desenvolvem ações de contenção, vigilância do preso, condução do preso à rede hospitalar para assistência médica e odontológica, condução de veículos de transporte de presos e outras atividades.
Fonte: Portal do Governo do Espírito Santo

Nenhum comentário:

Postar um comentário